Seja o primeiro a receber nossas atualizações

Insira o seu endereço de email abaixo para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Eu te garanto 100% de privacidade. Seus dados não serão compartilhados

Fontes da geração de riqueza – Para quem acompanha o #30minutos

26 de março de 2018

Unindo a teoria à prática: #30minutos para se aposentar com ações!

Olá pessoal,

hoje vou aproveitar para falar um pouco do trabalho dos outros, principalmente aqueles que são nossas referencias na “academia” ou na prática. Um deles vocês já conhecem que é o Professor Felipe Pontes, que já esteve lá no programa #30minutos recentemente. No blog dele ele coloca muita informação útil e bacana, e recentemente ele colocou uma dica de leitura que parece ser fantástica (assim como ele, este livro está na minha lista de prioridades).

 

http://contabilidademq.blogspot.com.br/

Este é o nosso objetivo no programa: levar educação financeira, formação de patrimônio e riqueza para todos, com todas as ferramentas disponíveis, sempre tentando unir o que diz a teoria e como fazem os grandes gestores na prática. Estamos aqui para levar algo diferente e que seja acessível para todos!

Antes, de falarmos um pouco do lado prático, reforçamos a nossa carteira do #30minutos publicada recentemente, como alguns bons atacantes fazendo muitos gols, mas nossa defesa (SMLS3) precisa ser revista, podendo ocorrer substituição em breve.

GGBR4 10,00%
SMLS3 10,64%
FESA4 12,01%
MRVE3 13,03%
Posi3 15,43%
ELET6 9,48%
EMBR3 8,05%
CARD3 13,31%
UNIP6 8,05%

Voltando a pratica, recomendo a leitura desta entrevista realizada com um dos maiores gestores de ações do Brasil. A reportagem ficou muito legal.

http://www.infomoney.com.br/mercados/acoes-e-indices/noticia/7346587/exclusivo-fundo-mais-lucrativo-brasil-explica-por-que-ibovespa-pode

Para quem vai me perguntar, já respondo: concordo com muita coisa que foi dita e tenho muita admiração por todos do Alaska. Mesmo que os números pareçam exagerados, o fundo entregou muita performance nos últimos anos e sei também que existe muita ciência por traz destas projeções. Talvez não concordamos com a intensidade (espero estar errado), mas a direção deste novo ciclo parece já estar definida.

 

Disclaimer